Os 10 Mandamentos das Boas Práticas em E-mail Marketings

Two representative stone tablets with the ten commandments inscribed on them on an isolated dark ethereal background

Sua campanha de e-mail marketing não está dando retorno?

Você não sabe quantos clientes atingiu e quantos abriram ou leram seus e-mails com ofertas, informações, novidades sobre a sua empresa?

Então é bom você conhecer as melhores práticas do e-mail marketing para ajudar na criação de suas campanhas, tornando-as mais adequadas para seus clientes, para os serviços de e-mail e para os poderosos filtros anti-spam.

Abaixo você conhecerá algumas regras simples, mas extremamente importantes para que a mensagem chegue corretamente para seus destinatários e para que suas campanhas de e-mail marketing atinjam seus objetivos.

 

1 – Não farás SPAM.

Sabe quando aquele cunhado chato chega no domingo à tarde, sem avisar, e você está de pijama descansando? É exatamente a mesma sensação de receber um e-mail indesejado.

E-mail marketing exige permissão, por isso, jamais envie e-mails não solicitados para seus clientes ou para quem quer que seja. O ideal é realizar o primeiro contato com o cliente via telefone e/ou oferecer um formulário de cadastramento de e-mail. Só então realize o envio para o destinatário.

Muitas empresas erram ao pensar que enviar milhões de mensagens não solicitadas aumentará suas chances de retornos e conversões. O máximo que irão conseguir é um bloqueio e milhares de pessoas aborrecidas.

 

2 – Cadastrarás, construirás e manterás seu mailing

Atualmente ter um mailing bem construído é a principal arma das empresas para comunicar com seu público de forma clara, direta e barata.

Assim, o correto é seu site ter uma área de cadastro para que o visitante possa optar por receber suas comunicações via e-mail e na qual deve deixar claro como será feita a comunicação e a frequência que os e-mails serão enviados.

Não esqueça de manter sua base saudável pois cerca de 30% dos e-mails são modificados por ano. Evite enviar e-mails para contas inexistentes ou domínios inválidos – isso prejudica seus resultados, reduz o desempenho e aciona filtros anti-spam.

 

3 – Terás sempre a opção de descadastramento (opt-out)

É insuportável receber aquele e-mail que não tem nada a ver com a sua pessoa – digamos, por exemplo, “Dicas de Maquiagem” – e você é um homem barbado e conservador.

A empresa que pratica o e-mail marketing com responsabilidade disponibiliza SEMPRE um link de descadastro (o famoso opt-out), onde o destinatário possa solicitar a remoção de seu e-mail.

Dica extra: procure conhecer os motivos que levaram o usuário a fazer o opt-out. Às vezes a falta de segmentação (envio de mensagens genéricas) pode motivar a saída, a frequência de envio, ou o conteúdo que não é mais de interesse do destinatário.

 

4- Se preocuparás com o código HTML

Não é qualquer código HTML que é aceito pelos principais provedores/gerenciadores de e-mail como o Outlook, Notes, Yahoo, Hotmail, Globo.com e diversos outros. Fazer um HTML inadequado pode fazer sua mensagem ser ilegível ou até mesmo acionar os bloqueios ou filtros anti-spam.

Existem diversas orientações nesse sentido, mas essas dicas não são para falarmos sobre Programação, assim sugiro que você procure sempre o auxílio de uma empresa especializada em E-mails Marketing.

 

5 – Usarás Tags Alt nas imagens

Uma tag Alt serve como descrição de uma imagem, que aparece quando uma imagem tem dificuldades para carregar ou quando posicionamos o cursor do mouse sobre ela. Usar esta tag é importante para os destinatários que utilizam conexões mais lentas e que por isso não veem as imagens nos primeiros segundos. As tags alt podem informar sobre aquilo que está sendo carregado. Além disso, muitos clientes e serviços de e-mail desabilitam o carregamento de imagens por default ou apresentam um alerta para a liberação dessas imagens. Saber que imagens estão para carregar ajuda o usuário a decidir se deseja ter contato com a mensagem.

 

6 – Criarás uma versão web de seu E-mail

Embora os clientes e serviços de e-mail hoje compreendam corretamente o HTML, seus destinatários podem estar usando versões antigas de softwares ou estar em ambientes protegidos que impedem a leitura correta do código. Por isso, disponibilizar um link para uma versão web é uma segurança. Inclua sempre um link com a frase “caso não esteja visualizando corretamente este e-mail, clique aqui”.

 

7 – Verificarás o Número de Hyperlinks

Quanto mais os usuários clicarem nos links de um e-mail, maiores são as possibilidades de atingir as metas de seu planejamento.

Segundo uma análise, e-mails com 25 links ou mais tem 12% a mais de chances de clique que E-mails com quantidade abaixo de 25 links. Obviamente, links relevantes.

Dica Extra: Cuidado para não caracterizar seu e-mail como um perigo para os sistemas anti-spam:

  • Não use links com mais de 256 caracteres;
  • Não aponte os links para arquivos executáveis;
  • Procure fazer com que os links apontem para destinos dentro do mesmo domínio que usar como remetente.

 

8 – Personalizarás

A personalização é um item importante de sua campanha de e-mail marketing. Use o maior número de personalizações possível: nome do destinatário, hábitos de compra, interesses, cupons de desconto específicos, imagens, etc. Todos receberão o mesmo e-mail básico, mas as informações de seus conteúdos serão cada vez mais específicas.

 

9 – Tereis cuidado com as palavras

Os filtros anti-spam também verificam as palavras que compõe o seu e-mail. Por isso, não utilize essas palavras no texto, no assunto, em nomes de diretórios, nomes de arquivos, códigos ou links. Veja abaixo alguns exemplos:

  • Hospede / Hospedagem ou relacionados;
  • Perca peso / xx Kg / magra / ou relacionados a “perder peso”;
  • Dinheiro / Ganhe dinheiro / Renda extra / R$ 00,00 ou relacionados;
  • Sinais de interrogação (?)
  • Cursos online / Cursos
  • Urgente! Compre! Faça! / outros imperativos

 

10 -Verificarás SEMPRE o resultado de suas campanhas

Não adianta fazer tudo isso e não saber qual o retorno de seu investimento (ROI). Ao enviar seus e-mails via ferramentas próprias, os empresários devem gerar esses resultados e analisá-los de modo a verificar os pontos fortes e fracos dos envios e tomar as ações necessárias para otimizar ainda mais o sucesso dessa ação.

 

Viu como é complicado fazer de forma correta uma campanha de e-mail marketing? Por isso, o ideal é que os empresários ou montem uma estrutura própria para isso ou, de preferência, procurem uma empresa especialista nesse assunto para gerenciar a demanda, medir os resultados e otimizar o sucesso das campanhas de sua empresa.

Veja também em nosso portfólio alguns itens digitais.

 

will

Por Will Jr

Novos Negócios na Oficina de Idéias

Comments

comments